O que você precisa saber sobre a Certificação FSC 40-004-V3.0 para Cadeia de Custódia – parte 1

A norma FSC - Forest Stewardship Council foi idealizada como resposta às preocupações sobre o desmatamento global e o destino das florestas. É um sistema de certificação internacional que incorpora de forma igualitária os interesses de grupos sociais, ambientais e econômicos.

Assim, este tipo de certificação é aplicado quando sua empresa precisa atestar um manejo florestal adequado com base na legalidade (ambientalmente correto, benéfico e viável) para matérias primas madeireiras e não madeireiras. A norma FSC 40-004-v 3.0 – Certificação de Cadeia de Custódia, por meio de certificadoras acreditadas pela ASI – Accreditation Services International, estabelece o esquema de certificações para a cadeia de custódia. Primeiramente, o que é CADEIA DE CUSTÓDIA?

A cadeia de custódia são os elos de fornecimento entre a floresta até o consumidor final (veja a Figura 1), durante as etapas de beneficiamento de matéria prima de base florestal até o produto acabado, incluindo a rastreabilidade da origem destas MATÉRIAS PRIMAS (MP), que devem ser asseguradas. Para obter um certificado FSC, se faz necessário garantir a procedência dos seus recursos de origem florestal.

Figura 1 – Exemplo de Cadeia de Custódia

A certificação de Cadeia de Custódia pode ser de forma Individual (apenas uma Organização), Multi-Site (organização, filiais, distribuidoras, ...) ou em Grupo de empresas de mesmo tipo de negócio (moveleiras, fabricantes de óleos vegetais, cremes naturais, papeleiras, ...).

Dentro da Cadeia de Custódia, podemos ter diferentes tipos de certificados. Esta classificação vai depender dos produtos fornecidos e que estão diretamente relacionados com o escopo da certificação. Desta forma, uma empresa pode ter mais de um tipo de certificado, tais como:

  • FSC 100%, madeira oriunda de florestas que têm manejo florestal e atendem aos requisitos da FSC);

  • FSC Misto, madeira certificada FSC, misturada com madeira controlada ou com reciclagem ou uma combinação delas. Para aplicar o selo 70% de madeira certificada;

  • FSC Reciclado, entrada de insumos através de reciclagem de materiais de origem florestal pré ou pós consumo do processo produtivo;

  • Madeira Controlada FSC, madeira oriunda de operações florestais que atendam a requisitos da FSC, mas não está certificada. Ela está preparada para complementar fornecimentos já certificados;

  • Material Controlado, referente a uso de produtos florestais oriundos de locais inundados, nevascas, incêndio (desde que não tenha sido criminoso);

  • Recuperado Pós-Consumo, material oriundo de produto acabado e que é passível de ser reciclado; e

  • Recuperado Pré-Consumo, aparas podem voltar para indústria de processamento de MP e virar novamente produto.

Na próxima semana, vamos dar dicas de como uma organização pode iniciar o processo de certificação pela norma FSC 40-004-v 3.0 – Certificação de Cadeia de Custódia.

11 visualizações0 comentário