• Equipe Poletto

As redes de fast food e o hambúrguer vegetal


Foto: Bob's, divulgação

Post de 10/09/2019 O consumo de carne é um assunto cada vez mais recorrente em rodas de conversas e redes sociais. O número de vegetarianos e veganos cresce no mundo e há diversos motivos para que eles evitem consumir o alimento. Entre eles, estão o bem-estar dos animais e o impacto que o abate causa no meio ambiente. Cientes dessa mudança no perfil de consumo e testando tecnologias que avançam mais a cada ano, redes de fast food começaram a apostar em hambúrgueres com proteína vegetal. Há poucos dias, o Bob's lançou no Brasil o sanduíche Tentador Zero Beef. O lanche, por enquanto, está disponível apenas nas lojas de São Paulo e do Rio de Janeiro, mas deve chegar a outras localidades do país em pouco tempo. O hambúrguer usado no Tentador Zero Beef é produzido pela empresa Fazenda do Futuro e 100% vegetal. O pão também não leva leite e nem ovos, mas há uma maionese com ovos. Mesmo assim, trata-se de um passo importante em relação à evolução dos cardápios veganos. Basta pedir sem a maionese e o cliente terá um prato que respeita a sua decisão de não consumir nada de origem animal.

Já o Burguer King anunciou recentemente uma versão vegatariana do Whopper, o lanche consagrado da franquia. Ele é produzido em parceria com a startup Impossible Foods e, por isso, recebeu o nome de Impossible Whopper. Nos Estados Unidos, especificamente no Vale do Silício, diversas startus estudam o mercado da alimentação e propõem produtos antes impensados. Há tecnologia hoje sendo usada a favor da substituiçõ da carne dos produtos derivados dos animais na alimentação de humanos. O que por um tempo foi chamado - e em alguns lugares ainda é - de "alimento do futuro" já está virando realidade na mesa de americanos e, ainda bem, brasileiros.

1 visualização

© POLETTO SOLUÇÕES EM GESTÃO

  • LinkedIn ícone social
  • Facebook
  • Instagram